Pega no livro

Clubes de leitura da Galiza com algum livro em português

BAPTISMO DO CLUBE DE LEITURA SANTENGRACIA

EIS OS PLANOS DO CLUBE SANTENGRACIA PARA CELEBRAR O BAPTISMO DO SEU CLUBE:

Como sabem a igreja de Santa Engrácia fica a lado da Feira da Ladra que opera às terças e aos sábados. Lá podemos dar via livre aos nossos mais baixos instintos consumistas por pouco dinheiro. Podíamos viajar na sexta-feira 12 de outubro que é feriado (mas não em Portugal). Fazíamos uma paradinha para o almoço no Pedro dos Leitões

http://restaurante.pedrodosleitoes.com/default.htm?sess=0003BCED5B458C

Do qual fala o insubstituível dicionário do Mário Prata:

ESPUMANTE

É uma versão mais adocicada da CHAMPANHE. Pelo menos, uma espécie de champanhe. O maitre do restaurante Gambrinus lhe explica melhor, enquanto você come umas ostras frescas no balcão. A Raposeira é o Espumante mais famoso. E atenção: indo a Portugal não se pode deixar de comer O FAMOSO LEITÃO DO PEDRO DOS LEITÕES, NA MEALHADA, NA ESTRADA ENTRE PORTO E LISBOA. É o melhor leitão do mundo. E a tradiçào pede que se acompanhe com Espumante.

O baptismo seria na igreja homónima (do nosso clube), depois do shopping.

Nesta terça-feira  (17 de Julho)vou ir à feira da Ladra e vou tentar combinar com algum sacristão ateu (quase todos o são, eles sabem o que há lá dentro) para tentar organizar algum ato solene no 13 sábado de outubro nos muros traseiros da Igreja de Santa Engrácia, onde ele exerceria de ministro (tem que fazer-lhe ilusão, sempre atuou de secundário). O baptismo seria com vinho e a concha seria uma vieira compostelã. As salmodias ficariam a carrego do próprio ministro (o sacristão) com a única condição de que fossem rezadas, ou cantadas,  em latim. O sacristão teria direito a partilhar o nosso ágape de sardinhas e vinho, além da propina que fosse previamente pactuada.

A celebração podia ser mesmo no Tavares, fronte à estátua de Pessoa. Também o Mário Prata fala neste restaurante:

DIETA

É bom deixar claro que Dieta é mesmo um REGIME. Mas, o que importa aqui, é que Regime não significa, nem nunca significará, Dieta. Regime refere-se a Regime Militar, Regime Religioso, etc. Se você faz dieta, não vá jantar no TAVARES, A MELHOR COMIDA DE LISBOA. LUGAR LINDÍSSIMO, COM MAIS DE DUZENTOS ANOS.

Tem um pequeno problema e é que não baixa de 60 EUR por pessoa, mas postos a sonhar…

O mesmo Mário Prata oferece-nos outra dica:

AÇORDA

É uma papa, quase uma sopa, de pão amassado com água e alho, que pode ser de camarão, mariscos, etc… Uma delícia, uma tradição. O aspecto não é nada agradável, mas… Tem até um restaurante excelente chamado PAPAÇORDA, NO BAIRRO ALTO, EM LISBOA.

Onde há mais coisas que açordas e bem boas. Mas também não é assim tão barato. Se calhar o mais enxebre, estando no coração da Alfama, seria pedir umas boas sardinhas assadas com uns copos de vinho verde fresquinho. Muito português, muito lisboeta e muito barato. Aqui é onde partilharíamos mesa e toalha com o sacristão.

Depois do café e a Amarguinha podíamos pegar nos carros e irmos ao Porto, dar um passeio pela Ribeira e ir jantar ao

Restaurante Casa do Pescador (São Pedro da Afurada)

Onde servem um fantástico arroz de tamboril e todo o tipo de peixes pescados no mesmo dia.

Bem, o programa é ambicioso mas temos tempo para ir poupando dinheiro.

Vão dando ideias alternativas a estas que, mesmo que nenhuma acabe sendo realidade, que nos quitem o fantasiado!

Já agora, se alguém de outro clube de leitura da federação da Pega quiser acompanhar-nos será bem-vindo!

Carlos Campoi-Vasques

 

Anúncios

Os comentários estão desativados.